fbpx

Eficiência e confiabilidade

O SAMAE (Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto) atua com os serviços de água potável e de esgotos sanitários na cidade de Jaraguá do Sul (SC). Com um dos maiores índices de cobertura do país, o SAMAE garante 99,8% de água tratada e, com uma nova estação, o tratamento passará de 600 para 1000 litros por segundo.

Para tanto, a empresa precisa de equipamentos de alta tecnologia que aportem múltiplos benefícios, como eficiência e confiabilidade, e, assim, ajudem a garantir o compromisso com a comunidade.

Segundo Ademir Izidoro, diretor-presidente da instituição, “os investimentos em eficiência energética são contínuos no SAMAE de Jaraguá do Sul. Constantemente são realizados estudos, e ações pontuais e globais vêm sendo tomadas para reduzir custos com energia. As inovações no segmento têm apresentado resultados excelentes, sempre buscando a redução do consumo de energia e aumentar a eficiência dos tratamentos de água e esgoto”.

Por estes motivos, em parceria com a WEG, o SAMAE investiu na substituição e aquisição de equipamentos elétricos como motores, bombas, painéis e inversores de frequência, além da instalação do WEG Motor Scan, um sensor para monitoramento periódico do desempenho dos motores elétricos. Na Estação de Recalque do Reservatório 4 foram substituídos dois motores elétricos de 150 cv, fabricados em 1996, que apresentavam baixo rendimento se comparados às normas atuais, por dois motores elétricos W22 Magnet IR5 Ultra Premium, de 200 cv, com rendimento estimado em 97%, para o acionamento de um par de bombas, que também foram trocadas.

Com foco na redução de desperdício, a nova Estação de Tratamento de Água (ETA), com inauguração em julho de 2018, foi integralmente pensada com o conceito de Eficiência Energética, aplicando, além dos motores elétricos, lâmpadas de LED e outras tecnologias de ponta, tudo pensado para uma estação autossuficiente. A instalação de painéis solares também está nos planos da Autarquia.

A ETA recebeu cinco motores W22 Magnet IR5 Ultra Premium com 100 cv cada: três motores para retro lavagem e dois para a etapa de captação da água do Rio Itapocu, em uma solução exclusiva, integrada à estação central. O acionamento destes motores é feito por inversores de frequência que permitem controlar a vazão da água por ajuste de velocidade, o que possibilita adequar a operação ao consumo. No Reservatório 4 os resultados já são comprovados.

Para verificação do desempenho dos equipamentos foram realizadas medições elétricas de uma semana nas bombas de cada reservatório. O lançamento da WEG Motores para a indústria 4.0, o WEG Motor Scan, está instalado na bomba 1. Com base nos dados capturados e enviados para a nuvem, é possível tomar decisões mais rápidas e assertivas principalmente nos casos de manutenção preditiva, garantindo maior eficiência e vida útil do motor elétrico. Para o coordenador de Eletromecânica e Automação do SAMAE, Jaime Chrast Junior, “a tecnologia e inovação são marcas registradas da companhia que busca ser cada vez mais eficiente e sustentável”. Ele confirma que através do dispositivo de monitoramento WEG Motor Scan é possível ter acesso a informações sem a intervenção humana, como as medições de vibrações, por exemplo, e também destaca a importância de acompanhar os históricos dos dados monitorados pelo sensor.

Como resultado, nas bombas do Reservatório 4, o volume de água tratada passou de 60 para 80 litros por segundo. Na bomba 1, devido à eficiência dos equipamentos, o tempo de operação em horário de ponta passou de 15 para 6 horas por semana, contabilizando no total 21 horas por dia. O gasto total de energia semanal passou de 20.496 kWh para 16.218 kWh. Já a economia por litro de água tratada foi de 42,64% e em reais, a redução foi de 27,18%. Já a bomba 2 zerou a necessidade de operação em horários de ponta e reduziu de 149 para 105 as horas de operação semanais, atuando 15 horas por dia. As duas bombas juntas economizam cerca de R$ 21.081,00 por mês. Estas mudanças estão sendo realizadas com a finalidade de economizar energia, aumentar a confiabilidade e a capacidade de bombeamento.

Os motores W22 Magnet IR5 Ultra Premium adquiridos são os mais modernos e com o maior rendimento do mercado, e são superiores ao nível de eficiência exigido por lei. Na planta da ETA Central, onde foram substituídos os motores elétricos e instalado o sensor de monitoramento WEG Motor Scan, a economia chega a R$ 250 mil por ano. O SAMAE de Jaraguá do Sul é a primeira companhia de saneamento do Brasil a utilizar estes equipamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *