Empresa conquista certificação

Agora, os empreendimentos eólicos da Echoenergia estão aptos a emitir Certificação Internacional de Energia Renovável (I-REC). São eles: Echo 1, Echo 2, Echo 4, Echo 5, Ventos de São Clemente e Ventos de Tianguá, localizados na Bahia, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará.

A Echoenergia, referência no desenvolvimento, implantação e operação de projetos de energia limpa e renovável, agora gera energia com o acompanhamento de RECs. Um REC é emitido a cada 1 MWh (um megawatt hora) de energia injetada no sistema a partir de uma fonte limpa.

Para o CEO, Edgard Corrochano, o mercado de RECs tem crescido nos últimos anos “baseado na necessidade das empresas em compensarem suas emissões de carbono definidas no escopo 2 do GHG Protocol. Para isso, a aquisição dos certificados surge como uma alternativa fácil e eficaz”.

“Estar apto a emitir e vender RECs significa que nossos projetos possuem um alto padrão socioambiental reconhecido e ajudam na missão de redução das emissões”, complementa Edgard.

As certificações permitem a todos os usuários, no mundo inteiro, escolherem o tipo de energia que querem consumir. Qualquer empresa, organização sem fins lucrativos ou consumidor final pode comprar energia rastreada por padrões internacionais reconhecidos de contabilidade de carbono.

Além de compensar suas emissões de carbono para empresas, há ainda o benefício extra de agregar valor à marca e ratificar o compromisso com a sustentabilidade.

Fundada em 2017 pela Actis (investidora global em mercados emergentes), a Echoenergia possui nove complexos eólicos em seu portfólio, localizados no nordeste do Brasil, que somam 952 MW de potência. É uma das maiores geradoras de energia eólica do Brasil e possui uma série de projetos em desenvolvimento e implantação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.