LORD firma parceria com a Univar

A LORD, subsidiária local da norte-americana LORD Corporation, firmou um acordo de distribuição dos seus produtos com a Univar. O negócio concentra-se na comercialização de resinas para encapsulamento e adesivos, entre outros itens destinados à proteção e gerenciamento térmico de eletrônicos.

“Além de ser um dos principais players do mercado de eletrônicos, a Univar tem larga experiência na distribuição de marcas globais, daí porque decidimos selar essa parceria. Estamos muito satisfeitos com o acordo e confiantes de que nossos produtos e soluções alcançarão uma abrangência maior de mercado”, comenta Victor Zanini, gestor de contas da LORD. As resinas e adesivos da LORD serão distribuídos pela unidade de negócio da Univar denominada Daltrix™.
No Brasil, a LORD já desenvolveu aplicações para seus produtos na área de iluminação, caso do encapsulamento de cabos e luminárias spot. “A ideia agora é expandir o nosso raio de ação para o mercado de eletrônicos, fornecendo resinas próprias para encapsular placas de circuito impresso, motores e sensores”.

Entre os produtos que a LORD dispõe para esse segmento, Zanini destaca o Thermoset UR-288. À base de poliuretano, é uma resina caracterizada pela boa fluidez para o preenchimento de componentes eletrônicos, bem como ótimas propriedades de condução térmica e baixo odor. Também pode ser fornecida em duas versões: cura regular ou rápida, sempre em temperatura ambiente. “O Thermoset UR-288 ainda é indicado para as empresas que desejam fazer misturas, com o intuito de obter propriedades mecânicas e de cura específicas para os mais diversos projetos e processos”.

Zanini ressalta ainda o Thermoset SC-218, resina à base de silicone e ideal para o encapsulamento de componentes muito sensíveis. “Em conjunto com a elevada resistência à temperatura, o Thermoset SC-218 destaca-se por ser um material de baixa dureza e, por isso, possibilita a realização de reparos. Ou seja, em peças muito caras, compensa fazer a manutenção de um determinado componente, e essa resina pode ser removida sem causar danos ao circuito”, explica gerente de contas da LORD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.