Purchase Generic Minoxidil In Mexico Can You Buy Vaniqa Online Buy Generic Sitagliptin With Prescription Buy Cheap Female Viagra Buy Levitra Overnight

Agora é lei: pessoas, sem treinamento, não podem entrar em áreas com atmosferas explosivas

Entre outros assuntos, evento discutirá a NR 37, norma regulamentadora que estabelece requisitos mínimos de segurança, saúde e condições de vivência no trabalho em ambientes que apresentam risco de explosão, como plataformas de petróleo.

Você sabia que um único erro num ambiente de trabalho com atmosfera explosiva, repleto de fatores de riscos, é capaz de provocar a perda de muitas vidas, além de terríveis impactos ambientais? Locais como esses podem ser tomados por gases inflamáveis ou poeiras combustíveis e, por isso, estão altamente expostos ao risco de explosões. Essa preocupação levou o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) a publicar a NR 37 – Segurança e Saúde em Plataformas de Petróleo no fim de 2018. Desde então, empresas e prestadoras de serviços têm até dezembro, deste ano, para fazer as adequações necessárias ou estarão sujeitas às penas da lei. Este e outros temas serão debatidos durante o 5º Encontro Anual Abendi sobre Atmosferas Explosivas. O encontro propõe uma reflexão quanto aos problemas e às soluções relacionadas a essas áreas, promovendo, além da abordagem de normas e regulamentos, a troca de experiências e networking. Na ocasião, também acontece a 4ª Competição Prática de Inspeção Visual Ex 007, oferecendo prêmios aos três melhores profissionais.

Confira as palestras confirmadas no site e inscreva-se: http://abendieventos.org.br/atmosferas_explosivas/

Balanço da edição anterior – Em agosto do ano passado, o evento contou com: cem participantes, sete palestras, um minicurso, uma mesa redonda, 20 pessoas na 3ª Competição de Inspeção Visual, sete apoios institucionais, duas empresas patrocinadoras com ações de merchandising e oito expositoras na área de relacionamento.

Sobre a Abendi – É uma instituição, técnica científica, provedora de soluções que incrementam os negócios das empresas e o crescimento profissional das pessoas. Trabalha com gestão de projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação, capacitação e treinamento, qualificação e certificação, normalização técnica e difusão do conhecimento nas áreas de Ensaios Não Destrutivos, Inspeções, Acesso por Corda, Saneamento & Infraestrutura, Qualidade & Meio Ambiente e Monitoramento de Condição. O foco central é contribuir com o avanço do País, preservando a vida e o meio ambiente.

A Abendi mantém parcerias com entidades e empresas para disseminar o uso de ENDs, técnicas indispensáveis na inspeção de materiais e equipamentos sem danificá-los, sendo executadas nas etapas de fabricação, construção, montagem e manutenção. Também é acreditada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, como Organismo de Certificação de Pessoal – OPC-002, conforme a Norma ISO 17024, para a qualificação e certificação de pessoal em END, baseada nos critérios da Norma ISO 9712. Credenciada, desde 2003, pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) como Organismo de Normalização Setorial (ONS-58), para a elaboração de normas de END; e pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) como instituição de Pesquisa & Desenvolvimento P&D, nas áreas de interesse da indústria petrolífera e é acreditada pela ANP desde 2013 como Certificadora de Conteúdo Local.

A associação ainda é reconhecida como Entidade Tecnológica Setorial (ETS), pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, para a gestão tecnológica na área de END. Desde 2006, é qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), pelo Ministério da Justiça, que possibilita receber doações de empresas, dedutíveis do lucro operacional; desenvolver projetos do interesse do setor público; ações de formação e capacitação de pessoas; e a chance de receber bens apreendidos, abandonados ou disponíveis, administrados pela secretaria da Receita Federal.

Além disso, também possui acordos e convênios de cooperação técnica com instituições brasileiras e internacionais, como o BAM – Instituto de Materiais da Alemanha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.