Eletrobras Procel lança software para eficiência energética em edificações

A ferramenta foi desenvolvida a partir de convênio com a Pontifícia Universidade Católica do Paraná e permite a realização de simulações com variáveis de umidade, calor, consumo e demanda de energia, a fim de proporcionar o máximo de conforto, evitando, ao mesmo tempo, o desperdício de eletricidade.

O programa, totalmente adaptado à realidade brasileira, facilita a avaliação para a etiquetagem de edificações comerciais, reduzindo o tempo e o custo do processo. Voltado para profissionais de engenharia e arquitetura, o software analisa diversos parâmetros, como conforto térmico, risco de crescimento de mofo e dimensionamento de sistemas de climatização.

A Eletrobras realizou investimento de R$ 1,75 milhão no desenvolvimento do “Domus-Procel Edifica”, que também conta com a parceria do Ministério de Minas e Energia e do Inmetro. “A Eletrobras patrocinou essa ferramenta de grande valia, com potencial expressivo para redução de energia, contribuindo, assim, para a sustentabilidade da sociedade brasileira”, destaca a Superintendente de Eficiência Energética da Eletrobras, Renata Leite Falcão.

A iniciativa tem a coordenação do Procel Edifica, integrante do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O subprograma promove condições para o uso eficiente da eletricidade nas edificações, reduzindo os desperdícios de energia, de materiais e os impactos sobre o meio ambiente.

Segundo dados do Procel, o potencial de conservação de energia deste setor é expressivo. A economia pode chegar a 30% para edificações já existentes, se passarem por uma reforma ou atualização, enquanto nas novas edificações, ao se utilizar tecnologias energeticamente eficientes desde a concepção inicial do projeto, a economia pode superar 50% do consumo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.