Leilões de energia da CCEE movimentam R$ 83,53 bi em 2013

Os certames, que são operacionalizados pela CCEE sob delegação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel),  representarão uma movimentação financeira de R$ 83,53 bilhões ao longo dos contratos de compra e venda de energia neles selados. O maior montante está atrelado aos dois leilões de energia nova A-5, que envolveram cerca de R$ 56 bilhões. Em seguida aparece o leilão de reserva, com R$ 13 bilhões; o A-3, com R$ 7,25 bilhões; e o leilão de energia existente A-1, com R$ 6,2 bilhões.

Ao longo do ano, praticamente todas as fontes de energia puderam participar dos certames: hidrelétricas, PCHs, parques eólicos, usinas a biomassa e térmicas a carvão e gás natural, além de plantas solares. O destaque, porém, ficou por conta da energia dos ventos e da água. Foram 4.710,6MW em usinas eólicas contratadas, um recorde na história da fonte no País, além de 1.145MW em hidrelétricas e 481,28MW em PCHs. Sagraram-se vencedores em leilão, ainda, 808MW em empreendimentos a biomassa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.