Fronius comemora marca

A demanda por energia solar vem mantendo a curva de crescimento. A Fronius do Brasil, filial da multinacional austríaca e líder global no segmento de inversores solares, acaba de atingir a marca dos 100 mil inversores registrados em seu portal SolarWeb, ferramenta que permite fazer a gestão de energia do sistema, o que equivale a 1 gigawatts de potência instalada em geração distribuída (energia gerada por consumidores residenciais, do comércio e indústria). O resultado representa 20% dos 5 gigawatts de potência instalada no país, segundo dados da Agencia Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Só no primeiro trimestre deste ano, a empresa contabilizou o registro de quase 8 mil inversores no território nacional. “O aquecimento do mercado se deve, principalmente, aos empreendimentos de pequeno e médio portes nas áreas residencial e comercial, que passaram a investir mais em geração distribuída”, afirma Alexandre Borin, gerente comercial da Unidade de Solar Energy da Fronius do Brasil.

Outro fator que contribuiu para a expansão da base instalada foi a credibilidade que a marca construiu no Brasil, que é um dos seus maiores mercados, ao longo dos 10 anos em que a unidade Solar Energy está presente no país. “Cada vez mais, o instalador entende a importância de ter uma marca de confiança que ofereça soluções duráveis e que tenha estrutura no Brasil. Os serviços de pós-vendas como suporte telefônico, centro de reparos nacional e a garantia estendida são os grandes diferenciais da Fronius no Brasil”, observa Borin.

Crescimento de 50%

Para Borin, o segmento de geração distribuída deve se manter em alta e oferecer novas oportunidades de expansão dos negócios. O executivo projeta, ainda para este ano, um crescimento de 50% nas vendas de soluções fotovoltaicas.

A aposta da empresa dessa vez são soluções mais robustas para usinas de médio e grande porte, mercados em que a Fronius não está presente. “Vamos lançar inversores mais potentes, para usinas acima de 500 quilowatts de potência a 5 megawatts, que têm crescido muito no Brasil”, afirma.

Segundo Borin, as soluções da linha Tauro de 50KWp e 100KWp para este segmento serão comercializadas a partir do segundo semestre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.