Inversores de frequência aumentam a vida útil de motores

A competividade do mercado exige que as empresas cada dia mais se tornem eficientes e produtivas. Para isso, a performance, flexibilidade e confiabilidade das máquinas e equipamentos são cada vez mais decisivos em seus resultados. Grande parte destas máquinas e equipamentos são movidos por motores, nos quais são acionados através dos inversores de frequência.

De acordo com Jonas Klug, responsável do laboratório da Hercules Motores, os inversores de frequência são equipamentos eletrônicos que possibilitam obter controle sobre a velocidade de motores elétricos de corrente alternada por meio da conversão dos valores fixos, de tensão e de frequência da rede, em valores variáveis. “Ele recebe alimentação em CA, retifica a corrente transformando-a em CC e possibilita o chaveamento dos IGBTs na saída, onde teremos uma saída CA trifásica podendo variar a tensão (V) e a frequência (Hz)”, explica.

Segundo ele, a Hercules Motores Elétricos fabrica inversores desde 2010 e atualmente conta com inversores dedicados a vários segmentos e outros que atendem a diversas aplicações industriais, comerciais e residenciais. “Quando falamos de motores elétricos de indução de corrente alternada, a frequência (medida em Hertz) está diretamente relacionada às Rotações Por Minuto (RPMs) de um motor. Em outras palavras, quanto maior a frequência, mais RPMs, ou seja, maior a velocidade de rotação do motor. Por ser um equipamento compacto e versátil, o inversor de frequência substitui grande parte dos componentes de um quadro de comando, além de prover recursos de controle de velocidade, potência, eficiência energética e segurança que não são possíveis em painéis com acionamentos eletromecânicos”, complementa.

O uso do inversor de frequência aumenta a vida útil do motor e de seus componentes, além de diminuir os custos com manutenção e reposição de peças. Klug informa também que os inversores suavizam a partida dos motores elétricos e isso aumenta a vida útil de componentes elétricos e mecânicos não somente do motor, mas também da máquina. “Os custos com manutenção e reposição também são reduzidos pelo fato de o inversor de frequência monitorar os níveis de tensão, corrente e temperatura, caso haja alguma anormalidade, ele desliga e informa o código da falha. Com isso, as manutenções são menos frequentes”, relata.

Uma característica importante do inversor é que à medida que mudam os requisitos de uma determinada aplicação, o inversor de frequência pode simplesmente subir ou descer a velocidade do motor. “O controle de motores por inversor de frequência é largamente utilizado em diversas aplicações industriais, comerciais e até residenciais por sua segurança e precisão”, afirma Klug. Isso tem como finalidade atender as novas exigências de operação, o que não seria possível utilizando apenas um redutor mecânico.

Segundo ele, os inversores de frequência levam facilidade e versatilidade à automação. “São diversos modelos com tecnologia de ponta e ótimo custo-benefício, pois têm diversas funções integradas eliminando grande parte dos componentes de um quadro de comando de motores e com versões que vão desde o simples controle de velocidade até opções mais completas”, finaliza o promotor técnico de vendas da Hercules.

2 comentários em “Inversores de frequência aumentam a vida útil de motores

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.