Novos sensores fotoelétricos

A Schmersal lança os sensores fotoelétricos I/O Link, indicados para instalações convencionais ou em redes I/O Link. Auto detectável para configurações PNP ou NPN, o lançamento da Schmersal conta com funções inteligentes, como retardo na ativação ou desativação, contador, monitoramento de frequência, etc.

Os sensores fotoelétricos podem ser aplicados em praticamente todos os tipos de máquinas nos segmentos sucroalcooleiro, de alimentos e bebidas, automotivo, movimentação de materiais, mineração, papel e celulose, farmacêutico, gráfico e impressão, têxtil e madeira e derivados.

Os novos sensores fotoelétricos comercializados no Brasil pela Schmersal armazenam informações como, por exemplo, horas de funcionamento e ciclos de comutação. Com mais recursos que os convencionais, um modelo pode substituir até quatro convencionais, o que reduz os estoques.

“Na maioria das automações industriais é necessária uma análise do processo, para que o controlador identifique a saída do sistema e tome as providências necessárias. Também é de extrema importância a questão de posicionamento e de contagem e análise do material. Para isso existem os sensores industriais. Por não ter elementos mecânicos que se desgastem – tais como atuadores e contatos – a vida útil dos sensores fotoelétricos é praticamente ilimitada”, finaliza Marcos Haselmann, coordenador de produtos da Schmersal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.